Nova loja online de CDs e LPs de música brasileira e importados de jazz.

A série Jazz is Dead apresenta o encontro dos músicos e produtores Adrian Younge e Ali Muhammad com o Azymuth, formado pelos veteranos Alexandre Malheiros (baixo) e Ivan “Mamão” Conti (bateria) e por Kiko Continentino (teclados), no grupo desde 2015. O Azymuth (que teve como membro fundador o tecladista e compositor José Roberto Bertrami, falecido em 2012) é notadamente marcado pela fusão do jazz com o soul, o funk e o samba. Essa nova experiência resgatou essa essência do grupo, que trabalhou de forma integral com Younge e Muhammad, das composições à elaboração dos arranjos. 

Jazz is Dead é um projeto, inicialmente voltado para shows, dos músicos e produtores norte-americanos Adrian Younge e Ali Shaheed Muhammad. Logo, tornou-se uma série de gravações em estúdio com nomes do jazz e da música brasileira, inspiradas nas sonoridades dos anos 1970. Os discos foram gravados em Los Angeles, no Linaer Labs Studios, em sistema analógico.
A série contempla gravações do saxofonista Gary Bartz, da lenda do vibrafone Roy Ayers,  e do multi-instrumentista Doug Carn, além de destacar a música brasileira, com álbuns de Marcos Valle, Azymuth e João Donato.

Formato: CD (importado)
Lançamento: 11/2020
Selo: Jazz is Dead
Cód. barras: 686162826414

Músicas:
1- Ao Redor Do Samba
2- Sumaré
3- Cat Jump
4- Fall Afternoon
5- Friendship Samba
6- Apocalyptico 
7- Pulando Corda
8- Quiet Storm

Azymuth, Adrian Younge e Ali Shaheed Muhammad - Jazz is Dead, JID004 (importado)

R$126,00
Esgotado
Azymuth, Adrian Younge e Ali Shaheed Muhammad - Jazz is Dead, JID004 (importado) R$126,00

A série Jazz is Dead apresenta o encontro dos músicos e produtores Adrian Younge e Ali Muhammad com o Azymuth, formado pelos veteranos Alexandre Malheiros (baixo) e Ivan “Mamão” Conti (bateria) e por Kiko Continentino (teclados), no grupo desde 2015. O Azymuth (que teve como membro fundador o tecladista e compositor José Roberto Bertrami, falecido em 2012) é notadamente marcado pela fusão do jazz com o soul, o funk e o samba. Essa nova experiência resgatou essa essência do grupo, que trabalhou de forma integral com Younge e Muhammad, das composições à elaboração dos arranjos. 

Jazz is Dead é um projeto, inicialmente voltado para shows, dos músicos e produtores norte-americanos Adrian Younge e Ali Shaheed Muhammad. Logo, tornou-se uma série de gravações em estúdio com nomes do jazz e da música brasileira, inspiradas nas sonoridades dos anos 1970. Os discos foram gravados em Los Angeles, no Linaer Labs Studios, em sistema analógico.
A série contempla gravações do saxofonista Gary Bartz, da lenda do vibrafone Roy Ayers,  e do multi-instrumentista Doug Carn, além de destacar a música brasileira, com álbuns de Marcos Valle, Azymuth e João Donato.

Formato: CD (importado)
Lançamento: 11/2020
Selo: Jazz is Dead
Cód. barras: 686162826414

Músicas:
1- Ao Redor Do Samba
2- Sumaré
3- Cat Jump
4- Fall Afternoon
5- Friendship Samba
6- Apocalyptico 
7- Pulando Corda
8- Quiet Storm